Na nova pizzaria de Lisboa só há pizzas ovais

Os responsáveis pelo novo restaurante do Poço dos Negros já tiveram projetos em Brooklyn e em Londres.

Esqueça as pizzas redondas de tamanho individual, médio ou familiar. Na Pizza Gira, a nova pizzaria de Lisboa, só há sugestões ovais. É sobre esta base que se juntam ingredientes portugueses, como vegetais de Sintra ou presunto do Alentejo. O projeto, que foi inaugurado em janeiro, na Rua Poço dos Negros, conta três sócios que já tiveram negócios no estrangeiro.

Mauro Soggiu, sócio e também chef, já tinha um passado ligado às pizzarias. Em Brooklyn, Nova Iorque, nos Estados Unidos, foi um dos fundadores da Pizzaria Roberta’s. A ele juntaram-se Selina e Eduard van der Geest, que têm passados profissionais em Nova Iorque e Londres, em Inglaterra.

Selina, por exemplo, é designer de interiores e tem uma linha de móveis de aço. Foi ela, com a ajuda de Charlie Kinsman, quem projetou todo o interior da nova pizzaria, bem como as embalagens onde são servidas. O espaço é pequeno, muito girado para o take-away e delivery, através da Uber Eats. Existem balcões no interior, mas neste momento, devido à pandemia, não podem ser usados.

A massa é artesanal e feita todos os dias no espaço da Pizza Gira. É segundo uma receita tradicional e que vem da experiência de Mauro Soggiu em Nova Iorque, e não só. Nos ingredientes, têm a preocupação de usar sugestões de produtores locais e da região.

PizzaGira in their boxes

Os vegetais biológicos chegam da zona de Sintra, o presunto, também biológico, do Alentejo, e os cogumelos da Nam Mushroom Farm, em Lisboa. O menu não é extenso e conta apenas com nove variedades de pizza. Custam entre 7€ e 12€.

Tem, por exemplo, a Dona Rita, com requeijão, manjericão e piso; a Horta Verde, com requeijão, feijão verde, salicórnia, pasta de alho e chalota; a Fado com cebolinha, pimentão, canela, mel e farinheira; ou a Alentejana, com presunto, cogumelos, queijo amanteigado, tomilho e rúcula.

Para a sobremesa só há uma opção: a Gulosa. Junta a mesma massa oval, mas com mozzarella, requeijão, creme de avelã, cacau e fruta da época.

O projeto incluiu ainda outros pormenores, como os aventais que foram cosidos à mão ou as caixas de cartão retangulares, criadas à medida, que juntam as instruções de como pode fazer reaquecer a pizza em casa, se for necessário.

by Adriano Guerreiro

View Source

Share:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

EN

Credit

Logo + Branding by Charlie Kinsman
Site By Wrenegade Grace